ATENÇÃO:
Home / Notícias / Associados / Após reunião de negociação com Entidades, presidente do TJPE autoriza agendamento de pauta com o Governo do Estado

Após reunião de negociação com Entidades, presidente do TJPE autoriza agendamento de pauta com o Governo do Estado

Por Devanyse Mendes/ASPJ-PE

DSCN6870

A ideia é sensibilizar o Poder Executivo sobre a situação financeira do Tribunal de Justiça e assim tentar atender ao pleito dos servidores

O comitê de negociação, formado por representantes da Associação dos Servidores do Poder Judiciário (ASPJ-PE), pelo SINDJUD-PE e pelo Sindicato dos Oficiais de Justiça se reuniu para dar seguimento à negociação da pauta de reivindicações 2017. A reunião aconteceu na tarde desta segunda-feira (24), no quarto andar do Palácio da Justiça de Pernambuco. Estiveram presentes: o presidente da ASPJ-PE, Roberto Santos, o vice-presidente da ASPJ-PE, Alexandre Nunes, o presidente do SINDJUD-PE, Michel Domingos, e o presidente do SINDOJUS, Marcos Albuquerque.

Por parte do Tribunal de Justiça de Pernambuco compareceram o Diretor Geral do TJPE, Ricardo Lins, o Secretário de Gestão de Pessoas do TJPE, Marcel Lima, e os representantes da Coordenadoria de Planejamento, Gestão Estratégica e Orçamento (Coplan), Luiz Eduardo e Frederico Alberto Leite. Na ocasião, foram apresentadas as planilhas com a definição e a evolução dos orçamentos das Fontes 101 e 124, a evolução das despesas do TJPE e o resumo orçamentário das reivindicações das Entidades de representação dos servidores do Poder Judiciário.

Em resposta às reivindicações da Categoria, o presidente do TJPE, Leopoldo Raposo, solicitou e autorizou o agendamento de uma reunião com o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, para sensibilizá-lo sobre a situação financeira do Poder Judiciário. Segundo o diretor Ricardo Lins, só a partir do resultado desta reunião poderão ser definidos meios de atender a pauta de reivindicação dos servidores. Enquanto isso, os representantes da ASPJ-PE, do SINDJUD-PE e do SINDOJUS-PE continuam pressionando a presidência do TJPE em busca de resultados favoráveis para a categoria.