ATENÇÃO:
Home / Notícias / Associados / Diretores da ASPJ-PE participam da 2⁰ Assembleia Geral Extraordinária de 2017

Diretores da ASPJ-PE participam da 2⁰ Assembleia Geral Extraordinária de 2017

Por Devanyse Mendes/ ASPJ-PE

FB_IMG_1489179144993

Na ocasião, foram debatidas a campanha salarial e demais pontos da pauta de reivindicações

Representantes da diretoria da ASPJ-PE estiveram presentes em mais uma Assembleia Geral Extraordinária realizada pelo Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário de Pernambuco (Sindjud-PE). A assembleia foi realizada nesta terça-feira (07/03), no auditório do segundo andar no Fórum Rodolfo Aureliano, na Ilha Joana Bezerra. Servidores e membros de demais entidades de representação marcaram presença na ocasião. O diretor de finanças, Octávio Macário, e o vice-presidente, Alexandre Nunes, representaram a ASPJ-PE na assembleia.

As explanações foram iniciadas com debates sobre o início da campanha salarial e a apresentação da estimativa de reajuste necessária, segundo a data base de 2016 e 2017, feita pela representante do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), Jaqueline Natal. Segundo Jaqueline, os números apresentados ao sindicato vão dar embasamento para a comissão na mesa de negociação com o TJPE. Os servidores também levantaram pautas de reivindicação para serem discutidas e, após votação democrática, elegeram decisões para serem executadas pelo sindicato e pela categoria.

Os pontos acertados foram os seguintes:

1- Confecção de material de propaganda com o pedido de 18% de reajuste salarial;

2- Realização de pressão política e jurídica junto ao Tribunal de Justiça de Pernambuco para que a comissão de negociação seja recebida para o debate com a presidência;

3- Participação do Fórum de Debates contra a Reforma da Previdência, que será realizada em 15 de março, Dia Nacional de Paralisação contra a reforma da Previdência;

4- Análise das escalas e dos pagamentos dos plantões judiciários;

5- Confecção e envio de ofício para questionar a proibição da venda de almoços, por comerciantes não licitados, no Fórum Rodolfo Aureliano. O resultado será dado na próxima assembleia;

6- Oficiar o presidente do TJPE para que o mesmo receba a categoria para debater sobre a pauta de reivindicações;

7- Definição do dia 23 de março de 17 como data para a próxima Assembleia Geral Extraordinária;

8- Aprovação do congelamento da contribuição sindical em 0,75% sobre o valor do salário, pelo período de um ano, de maio de 2017 a maio de 2018;

9- Doação da mobília antiga do Sindjud-PE para instituições de caridade.

O diretor de finanças da ASPJ-PE, Octávio Macário, opinou sobre os resultados da Assembleia. “Foi bastante proveitoso este momento e podemos ver o amadurecimento da categoria. As entidades estão se organizando e estão unidas para buscar o bem estar dos servidores e avançar junto com a categoria. Gostaria de reafirmar o compromisso em lutar pela reposição salarial, pelo IPCA e pela progressão funcional, pois estes pontos garantem o poder do salário do servidor”, afirmou.